Quais os benefícios da sustentabilidade na construção civil?

A inserção de práticas sustentáveis no âmbito da construção civil é uma tendência em ascensão no mercado. Basicamente, a sustentabilidade consiste em preservar os recursos naturais do planeta, de modo que a exploração humana seja minimamente prejudicial ao meio ambiente.

A partir da necessidade de preservação, o setor da construção civil vem implementando técnicas capazes de promover benefícios ambientais e econômicos, tanto na execução da obra, quanto no resultado dos empreendimentos.

Continue lendo e saiba todos os benefícios da sustentabilidade na construção civil!

A sustentabilidade na construção civil

A construção civil representa, atualmente, o setor que tem a melhor potencialidade para redução da destruição ambiental, pois dispõe de tecnologia suficiente para promover a preservação.

Diante da nova perspectiva, algumas técnicas vêm sendo implementadas para inserir a sustentabilidade no setor da construção civil:

Coberturas vegetais

A colocação de coberturas verdes no lugar de telhas comuns contribui com inúmeros benefícios ao meio ambiente e à população.

Esse modelo de cobertura promove a absorção dos gases que provocam o efeito estufa, melhora a qualidade do ar local, reduz a temperatura nos centros urbanos e as chances de enchentes, uma vez que auxilia na absorção das precipitações.

Energia limpa

A utilização de uma fonte de energia limpa é uma excelente escolha, em termos ambientais e econômicos. Dentre elas, as mais utilizadas são a solar e a eólica.

A energia proveniente do sol pode ser utilizada diretamente nas construções residenciais para aquecer os chuveiros e, indiretamente, para produzir energia elétrica. Essa energia gera baixo impacto ambiental depois de pronta e tem baixo custo de manutenção.

A energia eólica, por sua vez, é captada dos ventos e também tem baixo custo para a produção de energia elétrica.

No Brasil, muitas técnicas sustentáveis foram utilizadas na construção dos estádios na Copa do Mundo de 2014. Dentre elas, se destacam a energia solar e a eólica; a utilização de água da chuva para limpeza e irrigação de gramados; o reaproveitamento de água tratada; a utilização de plásticos reaproveitáveis e de madeira reciclada e de reflorestamento.

Benefícios ambientais e econômicos

As técnicas sustentáveis promovem significativa contribuição relacionada à economia de água, energia e matéria-prima, à manutenção da qualidade do ar, da fauna e da flora, reduzindo, portanto, a interferência no meio ambiente.

A sustentabilidade na construção civil promove, ainda, benefícios no âmbito econômico. A consolidação de uma ideologia sustentável, por parte das construtoras, impacta positivamente a imagem da empresa no mercado.

Com relação aos custos de adaptação para um modelo de construção sustentável, não se deve falar em prejuízos. Apesar do investimento inicial em sustentabilidade na construção civil, o retorno vem no médio e longo prazo, com a economia que se tem com despesas de água e energia.

A sustentabilidade na construção civil representa, portanto, um investimento estratégico, não só em termos ambientais como econômicos. Além disso, resulta em ganhos para o meio ambiente, a população e a própria empresa.

E então, gostou do nosso post? Se você deseja conhecer mais sobre o assunto, assine a nossa newsletter e receba nosso conteúdo diretamente na sua caixa de entrada!

 

Copyright © 2017 Licenciamento Ambiental | G&P Soluções Ambientais

Share This